Posts Tagged ‘revista

10
fev
09

Um blog culturalmente relevante

Carta Anonima #2

hq

Vi essa tirinha e não me contive. Ela serve para qualquer um de nós que nos atrevemos a escrever e postar na internet, dizemos que temos um blog e divulgamos (ou não). Tem aqueles que dizem que é puramente pessoal e protegem o conteúdo com senhas, mas enfim, acho que tem outras formas de desabafar e esconder das outras pessoas.

Dos blogs sem senha, posso dizer que todos se enquadram no perfil da tira. Qualquer que seja o conteúdo, sendo próprio, copiado, repassado, etc, imaginamos o que pode ser interessante ou o que pode causar repercussão, e ser relevante paras as dúzias de pessoas interessadas(?) ou que por acaso clicaram por engano em seu link.

Esse aqui começou sem muitas pretensões, o primeiro post é um artigo como exercício de faculdade, e não é o único, talvez a professora pode ter até descontado nota pensando que eu copiei o conteúdo da internet. Diferente de outros projetos, ele está durando, até durante as férias, quando não tinha coisas mais material universitário. Continuo me divertindo, pensando no que pode ser relevante entre lançamentos, covers, plágios, resenhas e indicações sem saber se tá bom ou ruim, achando que evitar fofocas (como o Chris Brown bater na Rihanna) torna-o um blog “sério”, longe de mim. A única coisa que sei é que, segundo o statcounter, indianos gostam de ver o Bush e o Obama em capas de revistas.

Grato e com prazer,

Anônimo (Raphael Bispo dos Santos)

28
jan
09

Obama – Capa da revista Mad americana

09
jan
09

Realidades, HQs e Jornalismos

as suas relações e a obra de Joe Sacco.

Ontem, vimos que a política envolvida no entretenimento popular, com o Obama aparecendo em um número do Homem-Aranha. Longe de ser um material de público restrito, as HQs podem elevar seu papel, e angariar tanto o entretenimento, como a denúncia de problemas reais. E esta forma de arte, cultura, entretenimento e comunicação pode se tornar ferramentas de jornalismo e de denúncia.

“Assim, com a porta aberta por estes quadrinistas inovadores nos anos 60, a indústria especializada em quadrinhos destinados a um público diferenciado, mais adulto e maduro do que os leitores regulares das HQs de super-heróis das grandes editoras, como DC Comics (casa de Superman e Batman) e Marvel Comics (casa do Homem-Aranha e Capitão América), cresceu cada vez mais com o tempo. Como sabemos, as HQs podem ser consideradas um meio híbrido, fecundo do textual e do imagético; a utilização de HQs para outros fins que ultrapassam o puro e inocente entretenimento acaba entrando em convergência com o jornalismo, mostrando que as HQs poderiam ser um possível meio de comunicação alternativo, que pode mostrar coisas que nem o texto ou a imagem podem fazer sozinhos. Aqui surgem dois grandes nomes: Art Spiegelman e Joe Sacco.” [Caio de Freitas Paes]

Um assunto que tem ganhado grande foco nestas duas últimas semanas é a questão da Palestina, presente em todos os jornais diários. Mas o conflito palestino-israelense e a precariedade na região da Faixa de Gaza são muito antigos. Joe Sacco, entre 1991 e 92, visitou a região e transformou sua experiência em quadrinhos, traduzindo suas sensações por meios imagéticos e textuais cheios de detalhes. Os relatos foram publicados no Brasil, em 2003 pela editora Conrad, a obra foi dividida em dois volumes: “Palestina: Nação Ocupada” e “Palestina: Na faixa de Gaza“.

O estudante de Jornalismo, Caio de Freitas Paes, escreveu sobre isso um artigo, “Palestina: Na Faixa de Gaza” – Quando o jornalismo e as histórias em quadrinhos convergem, tratando das questões acima citadas e analisando o material que Joe Sacco deixa a nossa disposição. Sacco na introdução do segundo volume de sua obra declara:

Continue lendo ‘Realidades, HQs e Jornalismos’

08
jan
09

Obama é capa do Homem-Aranha

O post anterior falava do Bush em capa de revista, a Rolling Stone americana trazia uma matéria com críticas ferrenhas ao presidente americano que “finalmente” deixar a Casa Branca. A cerimônia de posse acontece no dia 20 deste mês, e já foi transformada pano principal para uma história em quadrinhos. Agora, Barack Obama é capa da “The Amazing Spider-Man” (O espetacular Homem-Aranha).

homemaranhavarackobama

Foto: AP / Marvel Comics

O novo presidente entra em apuros durante a posse e Peter Parker, que estava fazendo a cobertura do evento, fez as vezes de herói. A vilania fica por conta de camaleão. Segundo o G1, Obama é colecionador de quadrinhos e o aracnídeo está entre seus preferidos.

AP / Marvel Comics

Foto: AP / Marvel Comics

Mais uma vez, formas “populares” de arte e entreterimento em questões importantes, sendo material de propaganda política ou de denúncia. As HQs são de grande poder de comunicação e abrangência, e talvez não desta vez,  em algumas oportunidades, tratam de assuntos e discussões obrigatórias a adultos e, até mesmo, crianças.

Um amigo meu, o estudante de jornalismo Caio de Freitas Paes, escreveu um artigo acadêmico sobre uma vertente “jornalística” dos quadrinhos, trabalhando mais especificamente a HQ de Joe Sacco, Palestina: Na Faixa de Gaza, publicada no Brasil em 2003 pela Conrad. Falarei melhor do artigo amanhã.

08
jan
09

Bush – Capa da RS americana

25330485-25330487-large

Illustration by Tim O’Brien. Based on photograph by Shawn Thew/EPA/Corbis




Principais mensagens

coverblog

escolta alternaniva

Na telha

BlogBlogs

Adicionar aos Favoritos BlogBlogs
Yoomp

StatCounter

free hit counters