Archive for the 'li por aí' Category

20
mar
10

O futuro incerto do Animal Collective

ou Panda Bear fora do Zoológico.

Exaltados em 2009 por seu folk psicodélico com o “Merriweather Post Pavilion”, aclamado disco desde seu lançamento, o Animal Collective parace estar “exausto”.

É o que disse Noah Lennox (ou Panda Bear) em entrevista à BBC Radio 6. A banda trabalhou bastante nos últimos anos, lançando um filme e um projeto multimídia, além do desgaste natural que veio com o sucesso de Merriweather Post Pavilion e muitos shows.

Na entrevista, ele diz que a banda ficou feliz com o sucesso do último disco e quer dar mais a isso. Para Noah, a banda não vai fazer mais um albúm com tão boas críticas – poucos esperaram o fim do ano para dá-lo como melhor disco de 2009.

Acabou ou não?

“There have been times in the past when I’ve thought we were done. So I don’t know, this could be it. I don’t expect it to be, I should say, but you never know.” [Em várias vezes no passado eu imaginei que tinhamos acabado. Mas não sei, pode ser. Eu deveria dizer que não espero isso, mas nunca se sabe]

Panda Bear está mais focado no seu disco solo, previsto para este ano. E diz que não fica incomodado se o Animal Collective continuar sem ele. “That’s an ideal that we’ve clung to since we started playing music together, that there’s freedom to do things outside the band or for the band formation to change constantly.”[Essa é uma idéia em que nos agarramos desde que começamos a tocar juntos, que há liberdade para fazer coisas fora da banda ou para que a banda mude de formação constantemente]

O Animal Collective já teve até 4 integrantes, mas só Noah (Panda Bear) e David Portner (Avey Tare) parciparam de todos os discos, desde quando a dupla lançou “Spirit They’re Gone, Spirit They’ve Vanished”, em 2000.

O próximo disco do Panda Bear já tem nome, “Tomboy”, esperado para setembro de 2010.

Anúncios
23
dez
09

Diga-me que banda ouves, eu te direi quem és

Foi isso que um blog gringo fez: “Estereotipou” os fãs de bandas indies. O resultado foi uma lista preconceitusamente divertida cheia de indiretas não tão sutis.

Exemplos:

Animal Collective
Guys who make “Best of the Year” lists in January based predominantly on “feeling.”

CSS
Girls who throw up at every party.

Dirty Projectors
People who like way too many toppings on their pizza.

Grizzly Bear
People who think that world hunger could be assuaged with four part harmonies.

Ra Ra Riot
Girls who got their boyfriends to watch Me and You and Everyone We Know.

St. Vincent
Feminists.

The Flaming Lips
Self-actualized bros who grow pot.

Here We Go Magic
Guys who are ‘over’ Gizzly Bear.

Phoenix
People who don’t listen to enough music.

Wilco
Guys who go to concerts to relax.

YACHT
Someone who, if presented with the opportunity to join a cult, would most definitely join that cult.

The XX
Blog enthusiasts who thought wearing a keffiyeha was awesome.

A graça da lista vai depender da maneira como você trata preconceitos, do seu nível de sarcasmo, e da quantidade de amigos (e pessoas que jogam suas opções musicais na rede) que você identifica na lista – ótima para mandar por email.

Teve gente, dando várias indiretas no Twitter, criando seus próprios estereótipos.

11
set
09

Os piores da década

Se a Picthfork elege os melhores, o Gigwise listou os 50 piores discos da primeira década deste milênio.

Confesso que não conheço todos os citados, os mais famosos que aparecem na lista incluem: Black Eyed Peas, Jeniffer Lopez, Nickelback (merecidamente na lista), Razorlight, Tókio Hotel (Quem?), Jonas Brothers e Crazy Frog.

Para desespero e indignação dos fãs mais ferrenhos, o  ranking completo ficou assim: 50worstandar

50. Oasis – Standing On The Shoulders Of Giants (2000)

49. Black Eyed Peas – The E.N.D (2009)

48. Hard Fi – Once Upon a Time in the West (2007)

47. Razorlight – Razorlight (2006)

46. Scouting For Girls – Scouting For Girls (2007)

45. Daniel Powter – Daniel Powter (2005)

44. The Darkness – One Way Ticket To Hell… And Back (2005)

43. The Rasmus – Dead Letters (2003)

42. Queen & Paul Rodgers – The Cosmos Rocks (2008)

41. Guns N Roses – Chinese Democracy (2008)

40. Kaiser Chiefs – Yours Truly, Angry Mob (2007)

39. Mark Ronson – Version (2007)

38. Puddle of Mudd – Life On Display (2003)

37. Staind – Break The Cycle (2001)

36. Avril Lavigne – Let Go (2002)

35. Nickelback – All The Right Reasons (2005)

34. The Twang – Jewellery Quarter (2009)

33. Towers of London – Blood Sweat and Towers (2006)

32. Soulja Boy Tell ‘Em – souljaboytellem.com

31. Limp Bizkit – Results May Vary (2003)

30. Las Ketchup – Hijas del Tomate (2002)

29. Westlife – Allow Us To Be Frank (2004)

28. Tokio Hotel – Scream (2007)

27. Jennifer Lopez – Rebirth (2005)

26. Robbie Williams – Rudebox (2006)

25. Lindsay Lohan – Speak (2004)

24. Mariah Carey – Charmbracelet (2002)

23. Geri Halliwell – Scream If You Wanna Go Faster (2001)

22. Alice Deejay – Who Needs Guitars Anyway? (2000)

21. Ashlee Simpson – I Am Me (2005)

20. Kelly Osbourne – Changes (2003)

19. James Blunt – Back To Bedlam (2004)

18. Jessica Simpson – Do You Know (2008)

17. Craig David – Born To Do It (2000)

16. Insane Clown Posse – Bizzar/Bizaar (2000)

15. Celine Dion – Taking Chances (2007)

14. Gareth Gates – What My Heart Wants To Say (2003)

13. Rik Waller – From Now (2002)

12. Enrique Iglesias – Escape (2001)

11. Daphne & Celeste – We Didn’t Say That! (2000)

10. Vanilla Ice – Bi-Polar (2001)

9. Victoria Beckham – Victoria Beckham (2001)

8. The Cheeky Girls – Party Time (2004)

7. Paris Hilton – Paris (2006)

6. Chris Cornell – Scream (2009)

5. Kevin Federline – Playing With Fire (2006)

4. brokeNCYDE – I’m Not A Fan… But The Kids Like It (2009)

3. Crazy Frog – Crazy Hits (2005)

2. The Jonas Brothers – A Little Bit Longer (2008)

1. Katie Price & Peter Andre – A Whole New World (2006)

21
ago
09

Quem vai ser o primeiro a comentar a lista da Pitchfork?

Eles elegeram as 500 melhores músicas da década.

Nunca vi veículo gostar tanto de ser notícia. Este ano já li muita gente criticando o site, e antes que o ano acabasse eles já fizeram a lista das 50o melhores faixas da década (2000-09). A última parte da lista, do 20º ao 1 º acabou de sair. Como o Bloodypop disse, é apressar a discussão. Credibilidade, liberdade, critérios. pode ser cada um por si?

p2k_tracks_header

Eu vou colar a última parte (Top 20) aqui. Os comentários e as justificativas da Pitchfork aqui, além da lista completa. Você pode comentar também (ou fazer a sua lista). Eu agora vou dormir.

20. The Walkmen
“The Rat”

19. R. Kelly
“Ignition (Remix)”

18. Hercules and Love Affair
“Blind”

17. Annie
“Heartbeat”

16. The Rapture
“House of Jealous Lovers”

15. The Knife
“Heartbeats”

14. Jay-Z
“99 Problems”

13. LCD Soundsystem
“Losing My Edge”

12. OutKast
“Hey Ya!”

11. Gnarls Barkley
“Crazy”

10. Arcade Fire
“Neighborhood #1 (Tunnels)”

9. Animal Collective
“My Girls”

8. Radiohead
“Idioteque”

7. Missy Elliott
“Get Ur Freak On”

6. Yeah Yeah Yeahs
“Maps”

5. Daft Punk
“One More Time”

4. Beyoncé [ft. Jay-Z]
“Crazy in Love”

3. M.I.A. [ft. Bun B and Rich Boy]
“Paper Planes (Diplo Remix)”

2. LCD Soundsystem
“All My Friends”

E o vencedor é…

1. OutKast
“B.O.B.”

22
jul
09

LEIA!

Eu indico!

É notável o ritmo baixíssimo de postagem nestes últimos meses. No primeiro mês era o final de semestre na faculdade, depois foi o início das férias – sedutor para o ócio.

Não sei quem vem aqui rotineiramente ou de modo aleatório, depois de uma busca pelo google… se o seu caso for o da primeira opção, não fique sem conteúdo. Acho que pela primeira vez, vou fazer um post indicando sites blogs e conteúdo. É que, pela primeira vez, eu comecei a consumir também conteúdo de outros blogs, sites, videologs, podcasts. Comecei esse blog aleatóriamente, sem estar envolvido com a rotina internauta e sem saber se estava fazendo certo. Acho que tudo o quadro inverteu-se. Então vamos às indicações básicas.

Acabo de resolver a fazer isso de modo temático. (Neste apenas outros blogs; em outro podcasts; depois portais)

VARIEDADES

Highpop

Se você passa pouco ou muito tempo na internet, passe pelo Highpop. Não falo isso por que ele é meu amigo/veterano/morador do quarto ao lado, mas quando penso em estar desatualizado corro para o blog dela para dar uma nivelada nas generalidades do mundo. E todos sabemos como é fácil estar desatualizado na internet. Por isso, ele posta muitas vezes por dia sobre muitos assuntos. Nem sempre posts grandes, afinal ela ainda tem uma vida offline, mas quando se aprofunda trás grandes méritos. Nele você também pode ouvir o nosso Top90, e lá você sempre estará atualizado.

MÚSICA

With Lasers

Do jornalista Paulo Terron, sempre tem novidade boa por lá. Sem mais.

LITERATURA

Renata Penzani

Textos próprios e ótimas análises sobre os alheios. É pouco atualizado, mensalmente. E não é por falta de inspiração.

24
mar
09

“We’re From America” – Nova de Marilyn Manson

A faixa estará disponível para download gratuito no site oficial de Marilyn Manson, a partir do dia 27.

mm“We’re From America” estará no novo disco do rocker, ou aquela coisa bizarra.”The High End of Low” está previsto para o dia 26 de maio. E consolida a volta do baixista Twiggy Ramirez – o último disco gravado com Twiggy foi Holy Wood(2000). Entre este periodo Marilyn lançou 3 albúns:  The Golden Age of Grotesque (2003); Lest We Forget (The Best Of) (2004) e Eat Me, Drink Me (2007).

Sobre o título de High End of Low, ele disse a Rolling Stone: “It’s a self-described state of being that I’m in. You’re going to be fucking freaked.”[É uma auto-descrição do que eu estou vivendo. Você vai se assustar]

Ele ainda promete um vídeo clip de nove minutos bem sádico, com assasinato, sexo e morte. “We’re From America” será lançada como single em 7 de abril.

Para baixar clique. [a partir do dia 27 de março]

10
fev
09

Um blog culturalmente relevante

Carta Anonima #2

hq

Vi essa tirinha e não me contive. Ela serve para qualquer um de nós que nos atrevemos a escrever e postar na internet, dizemos que temos um blog e divulgamos (ou não). Tem aqueles que dizem que é puramente pessoal e protegem o conteúdo com senhas, mas enfim, acho que tem outras formas de desabafar e esconder das outras pessoas.

Dos blogs sem senha, posso dizer que todos se enquadram no perfil da tira. Qualquer que seja o conteúdo, sendo próprio, copiado, repassado, etc, imaginamos o que pode ser interessante ou o que pode causar repercussão, e ser relevante paras as dúzias de pessoas interessadas(?) ou que por acaso clicaram por engano em seu link.

Esse aqui começou sem muitas pretensões, o primeiro post é um artigo como exercício de faculdade, e não é o único, talvez a professora pode ter até descontado nota pensando que eu copiei o conteúdo da internet. Diferente de outros projetos, ele está durando, até durante as férias, quando não tinha coisas mais material universitário. Continuo me divertindo, pensando no que pode ser relevante entre lançamentos, covers, plágios, resenhas e indicações sem saber se tá bom ou ruim, achando que evitar fofocas (como o Chris Brown bater na Rihanna) torna-o um blog “sério”, longe de mim. A única coisa que sei é que, segundo o statcounter, indianos gostam de ver o Bush e o Obama em capas de revistas.

Grato e com prazer,

Anônimo (Raphael Bispo dos Santos)




Principais mensagens

coverblog

escolta alternaniva

Na telha

BlogBlogs

Adicionar aos Favoritos BlogBlogs
Yoomp

StatCounter

free hit counters