04
mar
09

Relativamente Antigo

Sobre o disco setentista do Franz Ferdinand, em um post escrito no começo do ano [26/01].

As promessas e expectativas eram: um bom rock carregando sinais de eletrônica e percussão, onde valia até o uso de ossos humanos para o batuque. Um disco bom para festas com lembranças vintages.

De pronto, já se percebe a batida bem marcada e seguida pelo baixo. O novo Franz parece ter um RPM mais baixo, sem deixar a peteca cair. Agregadas aos tons graves estão as… guitarras(?), não; estão as distorções e sintetizadores eletrônicos, a guitarra vem complementar.

Os graves podem trazer o ar noturno, ainda assim, o ritmo permite a dança e o entreterimento com os sintetizadores acompanhado por palmas em No you Girls. Ouvindo essa faixa conseguimos recolher a proposta do que vem por aí, com uma ponte sombria e soturna entre refrões que chamam palmas bem ritmadas.

Em seguida, vem uma canção para um luau, muito próximo de um sentido literal e radical, entre amigos, e novamente, o destaque para o som produzido pelo bater de mãos. O vocal canta uma melodia bem desenhada de várias vozes que entoam “Oh, can’t you let me stay tonight?”

Para não esquecer do rock temos Bite Hard. Mas nem pense em esquecer os elementos já ditos. Um bom brit rock, que lembra bastante o que é feito pelo Kaiser Chiefs, mas que volta bem “franzfernandiano” em What She Came For, com direito a solo de guitarra, enquanto a batida acelera. Acaba aí.

A próxima faixa nos lembra que este é um disco conceitual e, segundo Kapranos, experimental e consciente. A unidade desses experimentos não pode ser negada, já a bem-feitoria é parte da avaliação pessoal. Quem já previa um disco eletrônico não se espantará tanto, mas fãs desavisados podem começar por Lucid Dreams. Para Raphael Caffarena, “ela começa como uma faixa perdida dos Beatles – redonda, pura e com melodia afetiva – que se vê acompanhada por uma bateria raivosa até se tornar um clássico hit franz-ferdinandiano. Porém, três minutos depois, guitarras distorcidas são gradativamente substituídas por um sintetizador e “Lucid Dreams” vira um techno de causar espanto em pistas alemãs: sintetizador seco dançando com batidas pesadas e um baixo imensamente grave. É surpreendente, de se torcer para que ela não acabe mais.” E quase não acaba, a faixa tem 8 minutos.

Para acabar, a surpresa: A banda re-experimentando os ritmos mais lentos, lembrando um pouco discos anteriores. A SURPRESA fica para o final, com a faixa dos ossos humanos, prometidos para Katherine Kiss Me. Ela vem só: voz e violão.

Anúncios

0 Responses to “Relativamente Antigo”



  1. Deixe um comentário

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


Principais mensagens

coverblog

escolta alternaniva

Na telha

BlogBlogs

Adicionar aos Favoritos BlogBlogs
Yoomp

StatCounter

free hit counters

%d blogueiros gostam disto: